[TESTE] Será que você tem mesmo um gênio criativo aí dentro da cabeça?

Existe uma crença comum quando falamos de criatividade de que nós, seres humanos, somos divididos em duas categorias: os tipos criativos e não criativos. Simples assim, ou é azul ou amarelo… como se o verde fosse uma alucinação coletiva!

A verdade é que todos nós somos seres criativos, por mais derretido que o seu cérebro ande acordando ultimamente. Acredite, acontece com todo mundo de vez em quando. Digo isso pois a criatividade é uma das características humanas mais básicas. Sem ela não teríamos desenvolvidos as ferramentas necessárias para a nossa evolução, não teríamos descoberto como transformar grãos em pão e cerveja (já pensou que desgraça?) e nem descoberto uma maneira engenhosa de transportar pedras pesadíssimas para construir as pirâmides no Egito.

Então, aceite que dói menos: você é sim uma pessoa criativa! Mesmo naqueles dias mais tenebrosos, você é capaz de despertar e incendiar o seu gênio criativo. Tudo o que você precisa é focar sua atenção e aprender a desenvolver as 10 características indispensáveis para uma mente criativa!

6

Pegue a caneta, o papel, o Evernote ou as teclas Control C + Control V do teclado e vem comigo:

 

1 – Deus mora no brainstorming

Tenha sempre muitas ideias e soluções diferentes para os problemas. Nada de se contentar com a primeira coisa que aparecer na sua cabeça. O criativo levanta muitas ideias diferentes sobre um mesmo tema e tem a capacidade de analisar uma questão sob diversos pontos de vista.

Desapegue do conceito enganador de que existe apenas uma resposta ou solução correta para as coisas da vida. Quanto mais opções e conceitos você conseguir levantar, mais perto fica de inovar de verdade!

2 – Olhe o de sempre e enxergue o extraordinário

Para o ser criativo, uma cadeira nunca é apenas  uma cadeira e um escorredor de macarrão nunca estaria só na cozinha. Cadeiras poderiam servir de apoios laterais da cama no quarto, por exemplo, e o escorredor poderia morar na sala de jantar e virar uma luminária bem especial. Entende onde quero chegar?

BAIXE GRÁTIS o Ebook O Be a Bá da Criatividade

Desenvolva uma rotina mais criativa! Neste ebook GRATUITO eu compartilho com você 23 ações para lascar fogo no seu gênio criativo. Fáceis de implementar, pra começar HOJE!

Aprenda a desenvolver um olhar divergente e a exercitar a frase: “E se…?”.

3 – Construa uma via de mão dupla entre o mundo externo e a sensibilidade interior

O processo criativo é resultado do encontro entre o mundo exterior e o seu mundo interior. Ele se alimenta da troca entre nosso autoconhecimento e da nossa capacidade de olhar de verdade para o outro. Ao criarmos algo novo, damos vida a uma ideia genuinamente nossa, alimentada pelo mundo, digerida pelas nossas entranhas e devolvida através da nossa boca e mãos.

Quem não se conhece aprisiona o seu gênio criativo e joga a chave fora.

4 – Deixe-se levar pela fantasia e imaginação

Criatividade é imaginar um mundo que ainda não existe. É fantasiar sobre o futuro e suas probabilidades. Todo trabalho deveria ter um espaço reservado para brincadeiras sem compromisso, momentos onde podemos nos abrir e soltar a imaginação, sem sermos julgados e rotulados como ‘sonhadores’.

5 – Rebele-se por uma causa

A pessoa criativa não se contenta com as coisas como estão, com o status quo imposto. Ela enfrenta corajosamente as regras, não se entregando à pressão da sociedade para que se adeque e siga as regras do jogo. Ela sabe que para inovar e mudar o mundo tem que estar na contramão da história!

O rebelde com causa exercita sempre que pode o pensamento divergente e não está nem aí para o julgamento das pessoas.

6 – Saiba combinar maçãs para fazer uma torta de … limão

Ser criativo não significa apenas ser inovador ou desenvolver algo inédito no mundo, tirado ‘do nada’. Criatividade também é a capacidade de articular ideias já existentes e desvendar novas possibilidades com esse remix.

Acostume-se a andar por aí usando lentes de caleidoscópio imaginárias, sabe? Brinque com conceitos, misture as palavras e encontre novas soluções, serviços ou produtos como resultado. O criativo é o DJ da vida real!

7 – Inspiração sem ação não vale!

Sonhar é maravilhoso, mas deixar os sonhos morrerem dentro da cabeça não muda a realidade. Criar é a capacidade de transformar insights em produtos ou serviços. O criativo sabe não só elaborar e organizar como planejar e executar. Ele é o parteiro das ideias, tirando os conceitos do plano mental e parindo as ideias para o mundo.

8 – Tenha uma curiosidade (saudável) pelo perigo

A coragem é um quesito fundamental para o desenvolvimento da criatividade. Ela alimenta a curiosidade e nos motiva a enfrentar nossos medos. O ser criativo entende que risco é diferente de perigo. Entende que para ir além temos que nos desafiar, sair da zona de conforto e pensar além do que é conhecido!

9 – Cultive o bom humor e a impulsividade

O bom humor, assim como a coragem, é um dos ingredientes fundamentais para a mente criativa. É ele quem dá espaço para o cérebro brincar com ideias de formas inesperadas e, muitas vezes, engraçadas. É permitir-se errar, rir e aprender com o erro.

O ser criativo não vê tudo a ferro e fogo e entende que é quando estamos nos divertindo que a inspiração flui!

10 – Confie no próprio taco!

Acreditar em si mesmo e em suas capacidades é a chave de ouro da criatividade. A mente criativa acredita que é capaz e exercita sempre o foco positivo em seus projetos, pois sabe que tem algo único pra dar à sociedade: suas experiências pessoais e sua percepção sobre as coisas da vida.

Não existe ninguém igual à você, lembre-se sempre disso. A criatividade mora onde suas habilidades encontram as necessidades do mundo!

setas2 copy

[TESTE] Será que você tem mesmo um gênio criativo aí dentro?

A boa notícia é que quanto mais perto você estiver de gabaritar todos os itens dessa lista, mais perto do seu gênio você vai estar. Quer descobrir onde seu gênio criativo anda se escondendo? É só fazer o teste que preparei pra você! Mas nada de mentir no teste, hein? Deus está vendo 😉 Responda com sinceridade como você se sentiria diante de cada situação proposta, mesmo sabendo, lá no fundo, que não é a melhor resposta. Anote todas as questões que errar e você saberá exatamente em quais características você precisa dar aquele gás extra para acordar seu gênio criativo!

Você gostou desse texto? Então 'bora compartilhar criatividade com a galera!